O Dia Nacional da Indústria Farmacêutica é celebrado anualmente no primeiro dia de agosto. 

Por isso, como uma forma de homenagear um setor fundamental para o crescimento econômico de diversos países, separamos algumas informações acerca do panorama fármaco atual.

Afinal, em 2019, o mercado farmacêutico no Brasil cresceu em torno de 53% e um fator importante para esse crescimento variou entre a oferta de novos tratamentos e o envelhecimento da população.

Isso porque, até 2060, os idosos devem compor cerca 1/4 da população, conforme os estudos realizados pelo IBGE.

Dessa forma, com inversão da pirâmide etária, o crescimento do mercado farmacêutico no Brasil é iminente e algumas estimativas colocam o Brasil como 5º maior mercado farmacêutico mundial em 2023.  

Acompanhe o nosso artigo e confira as expectativas de crescimento para esse mercado.

O mercado farmacêutico brasileiro

Atualmente, o maior mercado farmacêutico do mundo é o norte-americano.

A classificação de um país é definida de acordo com o percentual de faturamento comparado ao dos Estados Unidos. 

Por exemplo, o mercado farmacêutico brasileiro representa 7% do faturamento dos EUA, portanto, ocupa a 7ª posição no ranking farmacêutico mundial.

Apesar do crescimento recente, o Brasil se destaca no panorama mundial farmacêutico, ocupando entre a 6ª e 7ª posição. 

Porém, estima-se que o país alcance a 5ª posição em 2023. 

Como já dito, o mercado farmacêutico vem crescendo desde 2019, quando ultrapassou a marca de mais de R$100 bilhões em vendas.

E mais: esse número representa um crescimento de 11% em comparação com as vendas de 2018.

Contudo, o aumento mais significativo ocorreu no mercado institucional, que é formado por clínicas, hospitais e o próprio governo. 

Afinal, o setor cresceu quase 58% desde 2015, impulsionado pela inovação em medicamentos, em especial, os indicados para o tratamento de doenças complexas ou raras e problemas degenerativos.

Entretanto, no varejo farmacêutico, em que 75% das vendas são realizadas pelo público final, esse aumento foi superior a 53% nos últimos anos. O aumento foi justificado por diversas variáveis, como o envelhecimento da população brasileira e a oferta de novos tratamentos.

A pandemia do Coronavírus

Apesar de ser esperado, o mercado teve um crescimento durante a pandemia do novo coronavírus ao redor do mundo.

A indústria farmacêutica brasileira vinha apresentando uma taxa média de crescimento de 11,5% ao ano em 2019. 

No entanto, conforme apontado pelo Guia Interfarma 2020, o crescimento alcançou R$69 bilhões em vendas no varejo farmacêutico.

Por outro lado, o mercado institucional alcançou mais de R$33 bilhões, possibilitando um crescimento de 57%.

Conforme os dados da IQVIA, multinacional que audita o setor, o mercado obteve um total de R$190 bilhões em vendas no Brasil.

Desse total, cerca de R$140 bilhões correspondem às vendas do varejo e R$50 bilhões às institucionais. 

Dessa forma, o crescimento médio mensal do varejo farmacêutico foi de 15,4% em comparação ao mesmo período em 2019.

Apesar disso, a Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa afirma que há uma demanda reprimida por medicamentos no Brasil.

A demanda, estimada em 50%, poderia ser suprida caso o país tivesse melhor acesso aos medicamentos por parte da população.

Recursos financeiros oferecidos pelo Governo

Você sabia que os recursos financeiros públicos devem ser ajustados e apresentados por meio de Projeto de Lei, que passa por votação no Congresso Nacional? 

Assim, quando aprovado, se torna a Lei Orçamentária Anual. Isso estabelece o valor destinado para projetos e programas do governo voltados para a saúde, educação, segurança, transporte e outras áreas. 

Portanto, o orçamento previsto para 2020 pelo Ministério da Saúde foi de R$ 148 bilhões e, para a Assistência Farmacêutica, que prevê a compra de medicamentos, foi mais de R$ 19 bilhões. 

Mas, em função da pandemia da Covid-19, o governo suplementou o orçamento em R$ 41,2 bilhões para enfrentamento da pandemia.

Desse modo, comparado a 2012, os recursos destinados registraram um crescimento de até 86%. 

No caso da Assistência Farmacêutica, o aumento acontece por razões como:

  • Envelhecimento da população: aumento do risco para doenças crônicas, que requerem uso contínuo de medicamentos, e doenças complexas, como câncer e problemas degenerativos, que implicam em tratamentos de alto custo.
  • Alta demanda do Programa Farmácia Popular: fornecimento de medicamentos com subsídio total ou de até 90% para o tratamento de doenças prevalentes, como diabetes, hipertensão e asma. 

Inovação que também transforma países

Outro fator importante dentro de qualquer mercado é a inovação.

Segundo o Global Innovation Index de 2019, o Brasil ocupa a 66ª posição no ranking mundial de inovação.

Portanto, quanto mais se incentiva a inovação e a descoberta de novos conhecimentos, o país se torna mais atrativo para receber investimentos, possibilitando maior desenvolvimento da sociedade e melhores condições à população. 

E a pandemia do coronavírus mostrou a importância de se ter uma economia fortalecida. 

Afinal, na área da saúde, os investimentos em ciência e tecnologia são cada vez mais fundamentais para auxiliar nas pesquisas de novos tratamentos e de vacinas.

O que esperar desse mercado ainda em 2021?

Sabemos que com a pandemia do novo coronavírus, muitos mercados se viram afetados. Porém, mesmo com as dificuldades, a indústria farmacêutica cresceu em 2020.

Entre janeiro e outubro de 2020, o setor obteve um crescimento de 13,6%, conforme dados da IQVIA.

E o resultado? As vendas e crescimento foram consideráveis em produtos, como: Antidepressivos, suplementos, vitaminas, relaxantes, produtos de beleza, nutrição e higiene.

Contudo, o aumento na venda desses itens se justifica pela situação causada pela pandemia. 

Por isso, a expectativa para 2021 é que o mercado farmacêutico continue a crescer. 

Além disso, com as medidas que o governo adotou e pretende adotar, podem beneficiar ainda mais o crescimento do setor. Algumas das medidas são:

  • Controle da taxa de desemprego;
  • Redução dos gastos públicos;
  • Diminuição dos juros;
  • Privatização de estatais;
  • Reforma da previdência;
  • Reforma tributária e trabalhista.

Crescimento otimizado

A indústria farmacêutica cresceu ainda mais no último ano e as expectativas seguem animadoras para 2021. 

Mas, para otimizar o crescimento, a aposta é melhorar o sistema de gestão visando a otimização dos resultados. 

Dessa forma, é possível aumentar o crescimento, mesmo diante dos desafios atuais. 

Além disso, aumentar a acessibilidade a medicamentos também beneficia não somente o mercado, mas também os consumidores. Afinal, a previsão é que o mercado farmacêutico no Brasil cresça 10,3% até o final de 2021.

Por isso, é importante contar com uma empresa parceira para evitar riscos desnecessários. Com a ajuda adequada e alinhada ao seu negócio, é possível crescer com segurança nesse setor.

O papel da Cetro no crescimento da Indústria Farmacêutica

Encapsuladoras

A Linha de Encapsuladoras da Cetro conta com modelos automáticos e semiautomáticos, que se adaptam de acordo com o tipo de produção de cada negócio.

Os equipamentos dosam diferentes quantidades e podem ser personalizados de acordo com a necessidade.

Além disso, são confeccionadas em aço inox, que evita a oxidação e atende aos requisitos de higiene e durabilidade, tornando-as compatíveis com qualquer ambiente de trabalho.

As Encapsuladoras da Cetro são compactas, com design avançado e atendem às indústrias farmacêuticas, universidades e inúmeros nichos do ramo da saúde que trabalham com cápsulas.

Contadoras e Dosadoras de Cápsulas

A Linha de Contadoras e Dosadoras de Cápsulas da Cetro possui máquinas inteligentes que contam a quantidade exata de cápsulas e as envasa em um frasco ou recipiente.

Por isso, são os equipamentos ideais para aumentar o seu índice produtivo e qualidade da produção através de um envase automático ou semiautomático dos produtos. 

Além disso, os modelos são capazes de contar e envasar diferentes tipos de produtos. Podem atender a diferentes setores, garantindo que os processos sejam otimizados e de alta produtividade.

Prensa de Comprimidos

A Prensa de Comprimidos da Cetro é ideal para prensar pó e resultar em comprimidos redondos.

Dessa forma, a operação do equipamento é automática e contínua para compactar a matéria-prima com precisão. 

Além disso, os índices de produtividade e desempenho da máquina são elevados.

Seu processo potente de alta pressão conta com ajustes contínuos do volume de preenchimento de material, o que proporciona comprimidos com espessuras diferenciadas.

Polidora de Cápsulas

A Polidora de Cápsulas da Cetro é o equipamento ideal para remover sujeira, poeira ou energia estática da superfície das cápsulas. 

Além disso, é um equipamento de fácil montagem e desmontagem, o que também facilita a sua limpeza e consequentemente, a qualidade dos seus processos.

Dessa forma, é uma máquina que funciona de forma completamente automática, retirando qualquer tipo de sujeira de até 150 mil cápsulas por hora.

Elevadores e Alimentadores

O Elevador e Alimentador da Cetro é extremamente produtivo e robusto, com capacidade de elevar até 45 mil cápsulas por hora.

Por isso, é o equipamento perfeito para utilização em conjunto com as máquinas da Linha de Encapsuladoras da Cetro.

Todas as partes da máquina que entram em contato com as cápsulas são produzidas em aço inoxidável, gerando mais segurança e higiene aos processos e ao produto final.

Termoformadoras de Blister

A Linha de Termoformadoras Blister da Cetro conta com equipamentos compactos e de fácil operação, que realizam cartelas de comprimidos e cápsulas no modelo blister.

Além disso, os modelos oferecem automação e altos índices produtivos e otimizam completamente a sua produção.

Afinal, contam e separam as cápsulas, moldam as cartelas e selam o alumínio.

Mas, vale ressaltar que os modelos podem ter seus moldes personalizados e trocados rapidamente para outro tamanho de cápsula ou comprimido, assim como a disposição deles na cartela. 

E se você quer empreender com os equipamentos corretos e contar com uma assistência completa para qualquer lugar do país, saiba que a Cetro oferece soluções completas para automatizar sua produção de maneira prática e rápida.

Continue acompanhando o Blog da Cetro para novos conteúdos que podem contribuir com seu crescimento pessoal, profissional e empresarial.

*Artigo baseado no Guia Interfarma 2020 

A INTERFARMA é a Associação da Indústria Farmacêutica de Pesquisa, uma entidade setorial, sem fins lucrativos, que representa 51 associadas, empresas e pesquisadores que buscam promover e incentivar a pesquisa, o desenvolvimento e a inovação voltada para a produção de insumos farmacêuticos, matérias-primas, medicamentos e produtos para a saúde humana. 

A Cetro está fornecendo equipamentos e máquinas para as maiores empresas do país, que estão migrando parte de seu funcionamento para a produção de insumos e produtos que ajudam no combate ao Covid-19.

Com o surto do vírus, houve na mesma medida, uma grande procura de produtos como o álcool gel, máscaras, aventais para os trabalhadores da área da saúde e outros insumos que serão extremamente utilizados pela população em geral. Com isso, grandes empresas se dispuseram a colocar uma parte considerável de seus funcionamentos para a produção desses insumos, mesmo tendo pouca ou quase nenhuma experiência ou familiaridade com este tipo de produção.

Para produzir da melhor maneira, combinando produtividade, padronização, segurança e altos níveis de qualidade, algumas máquinas são necessárias, e os processos são inúmeros, principalmente para aquelas empresas que necessitam começar a sua produção do zero e já em grande escala. Se pararmos para pensar em todos os produtos que ajudarão no combate à nova epidemia, faremos uma lista enorme de máquinas que entrariam em uma linha de produção, mas para exemplificar, iremos centralizar o assunto no produto mais procurado: o álcool gel. Desde as rotuladoras até as paletizadoras, falaremos de todos os equipamentos que têm a capacidade de, em conjunto, automatizar, quase que ou completamente uma linha de produção. Aqui vão as máquinas que fazem parte desta lista:

  1. Rotuladoras
  2. Mesas Abastecedoras
  3. Envasadoras
  4. Posicionadoras e Rosqueadoras Automáticas ou Rosqueadoras manuais.
  5. Mesas Acumuladoras
  6. Enfardadeiras ou Fechadoras de Caixas
  7. Paletizadoras

Para quem deseja produzir em menor escala, qual máquina é essencial?

Com certeza, as envasadoras têm o papel mais importante dentre todos os processos. Elas têm a capacidade de dosar a quantidade exata de produto do frasco tendo inúmeros volumes de dosagem e capacidade. As envasadoras automáticas em linha podem ter entre 2, 4, 6 ou 8 bicos de envase, tendo a capacidade de atender a linhas de diferentes tamanhos. Além dessas, existem as envasadoras semiautomáticas, que contam com um ou dois bicos de envase e se adequam perfeitamente a pequenas e médias demandas, tendo o mesmo processo de funcionamento das automáticas.

“Todas as nossas envasadoras têm as partes que tocam o produto construídas em inox 304, o corpo do equipamento é constituído por um inox da linha 200, que também é um material muito bom e que não irá oxidar com facilidade. As máquinas tornam o processo, além de mais produtivo, muito mais prático e fácil, ou seja, o produtor poderá levar operadores que hoje fazem o processo de envase para outras áreas, além de diminuir a mão de obra, ele ganham em outras partes da produção.”  É o que fala  Luiz Arão, Engenheiro da Cetro.

A segurança e qualidade dos produtos é algo fundamental, principalmente no momento que vivemos. Sem um bom produto e um bom processo de embalo, esses fatores não têm nenhuma importância e essas máquinas ajudam e muito nos processos.

Luiz Arão também cita que a quantidade de bicos do equipamento é um fator determinante no aumento da produtividade, assim como o volume a ser envasado. Quanto maior a quantidade de bicos do equipamento escolhido, unido a uma menor quantidade de produto a ser envasado por bico, mais vantajoso e rápido será o processo.

O que nos faz fornecer máquinas para as maiores empresas do Brasil?

No momento em que vivemos, existe muita facilidade na importação de equipamentos, mas existem alguns fatores que fazem com que engenheiros, diretores e compradores de grandes empresas do país prefiram a Cetro. O primeiro de todos é a qualidade dos equipamentos, pois, sem qualidade, nenhum dos outros fatores lhe importaria. A partir disso, a segurança é algo importante, escolher uma empresa que possui um corpo técnico grande, com engenheiros especializados em adaptações e no funcionamento da máquina é algo fundamental para eles, assim como os técnicos capacitados, prontos para colocar a máquina em funcionamento na linha de produção. Outro fator muito importante, principalmente nos dias de hoje, é a pronta entrega, escolher uma empresa que pode fazer o start técnico no dia seguinte é algo importante para o grande empresário, isso pode significar muito dentro de seu mercado. A Cetro só consegue unir estes fatores devido ao seu profissionalismo e por ter um estoque grande de equipamentos.

Como conseguimos fazer uma linha de álcool gel em tão pouco tempo?

A Cetro produziu e continua produzindo álcool gel em uma linha de produção própria, o que nos permitiu dar o melhor atendimento a quem gostaria de produzir e também nos trouxe a possibilidade de ajudar no combate à pandemia, tudo isso anteriormente à instalação dessas linhas em algumas grandes empresas. Claro que, em todas essas instalações, existem processos específicos, assim como personalizações e adaptações nos equipamentos, mas a linha própria foi a base para a construção das outras.

Além disso, as máquinas trazem a possibilidade de adequação a outros produtos num momento futuro, pós pandemia, o que traz uma maior tranquilidade para quem investe. Então, além de poder se inserir no mercado para os produtos que estão em alta na crise, todos os equipamentos permitem às empresas que sua linha, que já existia, possa ficar ainda mais autônoma e produtiva.

Precisa adquirir equipamentos, fazer testes com seus produtos, conhecer nossas máquinas?

A Cetro continua atendendo a todos os clientes no momento da crise e espera poder ajudar a todos a passar por esse momento sem maiores percalços. Se houver a necessidade de testes, para a linha de envasadoras ou outras demandas, nossa equipe comercial e técnica continua preparada para atender a todos.

Muito se sabe que em épocas de controle de epidemias o assunto higiene e cuidados pessoais vem mais à tona, e junto a ele, a utilização de produtos que facilitam e são os responsáveis por essa higiene também cresce. O álcool em gel, por exemplo, já acabou em muitas lojas, farmácias e mercados e por isso, crescem na internet receitas caseiras, métodos não convencionais e a indicação de produtos que na verdade não são indicados para a higiene pessoal.

Mas no que acreditar nessas horas, será que tudo isso é apenas uma invenção para vender esses produtos?

A resposta é não. A higiene pessoal e a utilização desses produtos são coisas normais e deveria ser comum todos os dias, mesmo fora da época de pandemia. A gripes normais e resfriados também são vírus e muito provavelmente são adquiridos da mesma forma que o tão temido corona, ou seja, através do ar. Essas gripes e resfriados do dia-a-dia, são conhecidas pelos médicos e especialistas como viroses, e elas, muito provavelmente, podem ser evitadas assim como o Corona, com cuidados com a higiene pessoal e com possíveis áreas por onde o vírus passou, bem como evitar locais onde há acumulo de pessoas.

Por que o álcool precisa ser 70%?

O álcool 70%, como o próprio nome já diz, possui 70% de sua massa formada por álcool e o restante em agua. Essa concentração é necessária porque a composição age em conjunto dentro do organismo do vírus, de forma que a água aja como a porta de entrada para o álcool, que desnatura as proteínas do organismo, desta forma, o vírus bactéria ou fungo é neutralizado muito mais rapidamente. Além disso, os 30% de água na formula faz com que quando o gel entre em contato com a pele, não evapore tão rapidamente.

Os produtos caseiros funcionam?

Depende! Você tem que tomar muito cuidado ao fazer receitas lidas na internet, prefira sempre aquela receita de uma fonte que você confia, ou de quem se diz especialista da área. As receitas caseiras não possuem elementos importantes que estão presentes nos industrializados ou manipulados e muitas vezes não garantem eficácia alguma.

Além disso, muitas receitas caseiras trazem alguns tipos de produto que podem ser prejudiciais à saúde, principalmente a da pele, produtos ácidos como o vinagre, se forem submetidos à luz do sol, podem acabar queimando qualquer área que teve contato com ele. O vinagre também não tem a capacidade de impedir a proliferação dos vírus como o álcool gel, já que ele só possui 5% de ácido acético, que faria o papel do álcool, em sua composição, o que não é, nem de longe, a quantidade necessária.

Mas se não tem nas lojas, como faço?

Os produtos não estão em plena falta. É possível achar o álcool em gel, desinfetantes para a limpeza diária, e outros produtos para a casa nos mercados e vendas. É claro que em muito menos quantidade se comparado a épocas fora da pandemia, portanto, quando encontrar o produto desejado, compre e utilize-o sempre que necessário, mas seja moderado. Além disso, nada substitui bons hábitos de higiene, lavar as mãos em toda sua extensão e pelo tempo recomendado, que normalmente é de 20 segundos.

Onde e como o álcool gel é feito?

O álcool gel pode ser feito em qualquer farmácia de manipulação, ou até mesmo em casa, mas com os produtos necessários: o Carbopol 940 (10g), a Trietalonamina AMP 2000 (10 gotas), o álcool 96% unido a 30% de água (totalizando 1L), ou apenas o álcool 70% (1L).

Para fazer, basta unir primeiramente o carboprol a mistura de água e álcool e esperar a hidratação por 24 horas, quando estiver hidratado, adicionar o AMP 2000 e misturar, até que a combinação de componentes vire uma mistura cremosa e transparente, chegando em seu ph ideal que é de 5,5. A partir daí, basta envasar este álcool em frascos adequados ou em embalagens de refil para os recipientes de parede.

O envase é um dos momentos mais importantes da fabricação. Neste momento, é necessário extremo cuidado e higiene, por isso, empresas deste ramo utilizam, sempre, máquinas produzidas em aço inoxidável e de fácil limpeza para que não exista o risco do acúmulo de impurezas e de corrosão.

Fique ligado no Blog da Cetro e não perca nenhuma dica para o seu dia a dia, ou para o dia a dia da sua empresa, seja para aumentar a sua produtividade ou para você ter uma vida melhor.