Acesse a Loja

Confira as ferramentas disponíveis para marcar a presença de sua empresa no meio digital; venda na web e se destaque na internet

Com os diversos avanços da tecnologia e com o inevitável ascensão da internet a ao longo dos anos, estar presente no mundo digital se tornou quase que obrigatório para que uma empresa tenha sucesso, não importa o segmento em que atua.

Hoje, tanto os clientes já fidelizados quanto aqueles em potencial possuem celular, rede social, aplicativo de mensagens, enfim; sempre estão conectados com amigos, familiares e com as empresas e marcas que são relevantes para seu dia a dia.

Portanto, ter espaço na internet é mais do que fundamental para que seu negócio seja reconhecido e até mesmo ser expandido. Conheça agora quais plataformas você pode usar para inserir sua empresa no ambiente on-line!

Mas antes, vamos falar sobre uma técnica que pode ser aplicada logo no início da sua jornada digital e que pode evitar gastos desnecessários.

Já ouviu falar em MVP?

Esta é a sigla para “Minimum Viable Product”, que traduzido para o português significa “Mínimo Produto Viável”, conceito que nasceu no mercado de startups, mas logo chegou as grandes corporações e aos empreendedores!

O objetivo principal desta técnica é determinar qual o menor gasto para que sua loja funcione e, além disso, ter o mínimo de funcionamento com a menor despesa para testar uma ideia ou um novo produto.

Agora que você sabe o que é o MVP, conheça em quais meios você pode colocar sua empresa na internet!

Redes sociais

O primeiro passo para começar a divulgar seu negócio na web é utilizando as redes sociais. Através delas é possível conversar diretamente com seu público de várias formas, com textos, imagens, vídeos e etc. O que vale é criar um conteúdo de qualidade que traga engajamento e interatividade para seus clientes e principalmente fazer com que mais pessoas cheguem até você!

Com tantas opções, pode ficar difícil escolher com quais redes trabalhar. Então, defina qual o seu público consumidor e crie suas páginas e/ou perfis onde seus clientes estão. Por exemplo: se o seu público for composto por jovens, o TikTok pode ser a escolha ideal para divulgar seus produtos, assim como o Instagram. E claro: sempre faça testes com a técnica de MVP para definir qual rede social é a mais adequada para seu negócio!

Quer saber como fidelizar seus novos clientes pelas redes sociais? Então clique aqui e confira nosso artigo que com certeza vai te ajudar!

Canais de comunicação on-line

Usar meios virtuais para ter contato direto com seus clientes é uma excelente forma de sua empresa estar no ambiente digital. O exemplo mais prático disto é o WhatsApp: quase todos que possuem um smartphone e acesso a internet tem este aplicativo instalado. Através de uma conta Business você pode não apenas vender, mas também tirar dúvidas, divulgar ofertas e novidades, disponibilizar catálogos, cardápios, informar sobre o horário de atendimento e etc.

O WhatsApp também permite um atendimento personalizado e humanizado para cada cliente, aumentando as chances de construir um relacionamento duradouro. Valem também os aplicativos de mensagens integrados ao Facebook e ao Instagram, sendo eles o Messenger e o Direct, respectivamente.

Perfil da Empresa no Google (antigo Google Meu Negócio)

Você já pesquisou no Google informações sobre uma determinada loja, como telefone, endereço e fotos e acabou não encontrando? Isto prova que é mais do que essencial colocar sua empresa dentro do maior provedor de buscas do mundo. E isto pode ser feito gratuitamente através do Perfil da Empresa, recurso que pode fazer com que novos clientes cheguem imediatamente ao seu negócio!

Dentro do Perfil da Empresa, que pode ser acessado pelo celular no aplicativo Google Maps e no computador diretamente pela página de busca, você pode adicionar endereço, telefone, site, horário de funcionamento, opções de serviço, uma breve descrição, fotos e atualizações, uma espécie de feed de postagens parecido com o Facebook. Dentro do Perfil podem ser feitas também perguntas vindas dos clientes e avaliações da sua empresa.

Você também tem acesso a uma página específica para conferir seu desempenho por meio de estatísticas de ligações recebidas, quais palavras-chave são usadas para encontrar seu negócio, interações, avaliações, reservas, entre outras.   

Em resumo: o Perfil da Empresa no Google trabalha como um pequeno site que pode ser colocado no ar com poucas configurações, tornando-se uma ferramenta importante para alcançar novas pessoas.

Vendas on-line através de e-commerce

Assim como fazem as grandes empresas, vender por meio de um site garante autoridade e amplia as possibilidades de aumentar o faturamento, inclusive podendo ofertar seus produtos para todo o Brasil! Aqui existem duas opções, portanto veja qual é a mais adequada para seu negócio, principalmente do ponto de vista financeiro:

Marketplace: a primeira possibilidade é colocar sua empresa dentro de uma plataforma agregadora, sendo que a grande maioria atua em diversos segmentos. Podemos citar como exemplos: Americanas, Amazon, Casas Bahia, Extra, Mercado Livre, Shoptime, etc.

A principal vantagem dos marketplaces é usufruir da estrutura das plataformas, o que inclui a logística e formas de pagamento (como cartão de crédito, Pix e crediário próprio em alguns casos), reduzindo despesas.

Site próprio: esta opção é mais adequada se você tiver uma reserva separada para investir em seu próprio e-commerce, uma vez que será necessário adquirir domínio e hospedagem, plataforma para montar o site e para efetuar pagamentos, sistema para atendimento on-line (por chat ou redirecionando para o WhatsApp), entre outros itens.

Caso seu capital seja menor, não há problema em fazer um site mais simples, funcionando como uma vitrine virtual e contendo informações básicas, incluindo a origem de sua empresa, localização e meios de contato. Assim, a venda deverá ser concluída fora do portal.

Blog

Além de ter o próprio site para auxiliar nas vendas na internet, outra maneira de divulgar sua empresa no meio digital é criando um blog e produzindo conteúdos de qualidade para manter seu público atualizado e alcançar futuros clientes. O blog também pode ajudar a direcionar visitas a sua loja virtual e vice-versa.

Lembre-se sempre de aperfeiçoar seus textos com base em SEO (Search Engine Optimization, que traduzido para o português significa “otimização de mecanismo de busca”) para que seu negócio apareça, de forma orgânica, entre os primeiros resultados do Google.

Neste caso, você deve ajustar alguns critérios para que tudo o que for elaborado chegue exatamente ao seu público-alvo, como:

  • Palavras-chave que sejam relevantes e façam sentido para seu negócio;
  • Blog responsivo, ou seja, que funcione de forma satisfatória tanto em celulares quanto em computadores;
  • Páginas com carregamento rápido, levando menos tempo para abrir;
  • Backlinks (links que levam para outros textos que estão tanto em seu blog como em seu site).

Tenha em mente que ao trabalhar com SEO os resultados não serão instantâneos, ou seja, leva tempo até seus textos estarem bem posicionados. Portanto, sempre acompanhe as métricas (estatísticas) do seu blog para saber se seus conteúdos estão tendo um bom desempenho.

Importante: Esteja em conformidade com a LGPD e outras normas

Em vigor desde setembro de 2020, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) é um conjunto de normas criado para proteger os direitos de liberdade e privacidade e criar segurança jurídica quanto ao uso de dados pessoais no Brasil. Por isso, sua empresa deve estar adequada a estas leis e seguir algumas regras, incluindo:

  • Pedir a autorização do cliente para coletar informações dele, como e-mail e RG, por exemplo;
  • Alguns clientes podem solicitar que seus dados sejam ajustados ou até mesmo apagados;
  • Caso sua empresa reconheça que os dados dos clientes foram vazados, procure uma solução o quanto antes e notifique a Autoridade Nacional de Proteção de Dados (ANPD), responsável por fiscalizar e aplicar penas para quem descumprir a LGPD.

Fique atento também ao Marco Civil da Internet (responsável pela regulamentação de deveres, direitos e garantias no uso da internet) e ao Código de Defesa do Consumidor (documento que trata sobre as relações de consumo).

Continue nos acompanhando por aqui!

Quer ficar por dentro dos melhores conteúdos para ajudar no desenvolvimento de sua empresa? Então continue seguindo o blog da Cetro! Aqui você encontra dicas, tutoriais sobre nossos produtos e muito mais para seu negócio continuar crescendo!

tt ads

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.