Acesse a Loja

Em épocas de crise, a economia de gastos em restaurantes e bares é algo recorrente. É preciso, porém, tomar cuidado para que esta economia não gere possíveis danos ao seu negócio e a qualidade daquilo que você está servindo, principalmente em relação a higiene dos seus produtos.

Não perca a mão do tempero e da gestão.

Muito do que acontece de errado dentro dos restaurantes é devido devido a cortes de gastos de forma errada, falta de cuidado e muitas por falta de experiência na área. É importante ter os critérios adequados para decidir não apenas no que investir, mas também no que deixar de investir. Nem todo corte de gastos é positivo para empresa. As vezes, pelo contrário, é o investimento correto que vai determinar o futuro da empresa.

Mas então, no que investir e no que economizar?

Equipamentos: escolha equipamentos que tem a capacidade de manter a sua qualidade e não tenham alto custo, muito menos que gerem gastos recorrentes.

Economia em fatores pontuais: economize em fatores que não diminuam a qualidade do seu produto final, mas que consigam gerar economias consideráveis.

Economia com alimentos: tome cuidado com a economia com alimentos, eles são o seu produto, se ele tiver qualidade pior, seus clientes sentirão.

Para manter os custos de operação de um restaurante relativamente baixos ou para otimizar os gastos, algumas máquinas têm papel fundamental e podem funcionar de inúmeras maneiras, desde mantendo os produtos frescos e preservando suas características naturais, até utensílios que permitem um trabalho mais rápido, gastando menos gás e energia elétrica.

O fator mais importante para que o faturamento de um restaurante se mantenha alto e não aconteça nenhum tipo de perda de público é a qualidade do prato que chega até a mesa do cliente. Para isso, além das máquinas, é necessário ter extremo cuidado e amor ao restaurante e ao trabalho em si. Muitas vezes, com a perda de faturamento, a pressão pelo alto investimento e a gestão de pessoas pode fazer com que o gosto pelo negócio se perca pelo caminho.

Contratar pessoas resilientes, dispostas a evoluir e ter a capacidade de manter o seu pessoal engajado é fundamental para que o negócio permaneça saudável e gerando lucro.

Para ficar atento a essas e novas dicas para seu restaurante ou para qualquer outro ramo de negócio, fique ligado no blog da Cetro e sempre se mantenha informado sobre tudo aquilo que pode inovar e manter o seu negócio em alta.

tt ads

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.